Sebrae dá dicas para estimular as vendas de final de ano e se preparar para 2016

Cotações e Índices

Moedas - 24/05/2019 13:15:31
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 4,026
  • 4,028
  • Paralelo
  • 4,020
  • 4,210
  • Turismo
  • 3,870
  • 4,190
  • Euro
  • 4,509
  • 4,511
  • Iene
  • 0,037
  • 0,037
  • Franco
  • 4,020
  • 4,020
  • Libra
  • 5,114
  • 5,117
  • Ouro
  • 166,100
  •  
Mensal - 06/05/2019
  • Índices
  • Fev
  • Mar
  • Inpc/Ibge
  • 0,54
  • 0,77
  • Ipc/Fipe
  • 0,54
  • 0,51
  • Ipc/Fgv
  • 0,35
  • 0,65
  • Igp-m/Fgv
  • 0,88
  • 1,26
  • Igp-di/Fgv
  • 1,25
  • 1,07
  • Selic
  • 0,49
  • 0,47
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,59
  • 0,59
  • TR
  • -
  • -

Obrigações Tributárias do Dia

  • 31/Maio/2019
  • IOF | Imposto sobre Operações Financeiras
  • COFINS/PIS-PASEP | Retenção na Fonte – Autopeças
  • IRPJ/CSL | Imposto de Renda Pessoa Jurídica e da Contribuição Social sobre o Lucro | Apuração mensal
  • IRPJ/CSL | Imposto de Renda Pessoa Jurídica e da Contribuição Social sobre o Lucro | Apuração trimestral
  • IRPJ | Imposto de Renda Pessoa Jurídica | Renda variável
  • IRPJ/Simples Nacional | Ganho de Capital na alienação de Ativos
  • IRPF | Imposto de Renda Pessoa Física
  • FINOR/FINAM/FUNRES | Apuração mensal
  • FINOR/FINAM/FUNRES | Apuração trimestral
  • REFIS/PAES | Programa de Recuperação Fiscal
  • REFIS | Programa de Recuperação Fiscal
  • PAEX 1 | Parcelamento Excepcional
  • PAEX 2 | Parcelamento Excepcional
  • Simples Nacional | Parcelamento Especial
  • INSS | Previdência Social | Simples Nacional | Parcelamento Especial
  • Previdência Social (INSS) | Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro | Profut || Parcelamento de débitos junto à RFB e à PGFN
  • Previdência Social (INSS) | Programa de Recuperação Previdenciária dos Empregadores Domésticos - Redom (Parcelamento de débitos em nome do empregado e do empregador domésticos junto à PGFN e à RFB)
  • DOI | Declaração de Operações Imobiliárias
  • DME | Declaração de Operações Liquidadas com Moeda em Espécie
  • IRPF - Imposto de Renda sobre a Pessoa Física
  • Contribuição Sindical (empregados)
  • Escrituração Contábil Digital (ECD)
  • Salário-família | Comprovante de frequência à escola
  • Declaração Anual do Simples Nacional (DASN-Simei/2018)
O que você achou do nosso novo site?
Ótimo
Bom
Regular

O mês de dezembro é a época que possui as maiores taxas de vendas do ano, tendo grande importância para o comércio, a indústria e o setor de serviços. No entanto, para que as empresas tenham lucro, principalmente em um ano de dificuldades econômicas, é preciso estar preparado. Planejar, investir na decoração da loja, no cuidado com o atendimento e na divulgação de produtos são algumas dicas importantes que o empresário deve estar atento.

De acordo com relatório da Confederação Nacional do Comércio de Bens, Serviços e Turismo (CNC), pode haver retração de 4,1% nas vendas em 2015, em relação ao ano passado. “Para que o empresário não comprometa o seu negócio, considerando o momento de crise financeira e política que o país passa, é preciso preparar-se ainda mais para este final de ano e início do próximo. Este é o momento ideal para o empresário conquistar novos clientes para o próximo ano, além de fidelizar os que já existem”, destaca o superintendente do Sebrae Paraíba, Walter Aguiar.

Ele acrescenta que a capacitação e o conhecimento são importantes para que o empresário mantenha seu negócio. “O Sebrae oferece cursos, palestras, consultorias durante todo o ano para os diversos tipos de empreendedores. Quanto mais informação o empresário tiver, menos dificuldade vai encontrar para superar a crise econômica”, disse Walter Aguiar, acrescentando que de janeiro a novembro de 2015, o Sebrae Paraíba atendeu mais de 27,5 mil empresários.

Para o empresário preparar-se ainda mais e garantir o sucesso do seu negócio, o Sebrae elaborou algumas orientações:

- Planejamento: é importante colocar no papel os itens essenciais para o planejamento das vendas do Natal e do Ano Novo, com o objetivo que elas se concretizem e tragam o lucro esperado: o trabalho de divulgação, a oferta de promoções, o fluxo de caixa, as formas de recebimento, as entregas, as embalagens. Tudo isso precisa ser pensado.

- Invista na decoração: no caso do comércio, o empresário deve tornar as vitrines bonitas e chamativas, com iluminação adequada. Não poupe na criatividade.

- Cuide do atendimento: um dos principais pontos para aumentar a produtividade, seja no comércio, serviços ou indústria, é o atendimento. Uma equipe empenhada pode fazer com que o cliente leve mais do que pretendia. Não economize na capacitação desses profissionais.

- Divulgue seus produtos: a exposição da empresa é tarefa que não pode ser deixada de lado. Sem ter que aumentar muito os custos, é possível usar mídias alternativas, redes sociais, e-mail marketing, hot sites e toda forma de comunicação virtual para divulgar o que está à venda.

- Pós-Natal: Após as vendas de Natal é importante mudar o foco, redecorar o ambiente, a vitrine e pensar em produtos ligados ao Reveillon. Além disso, aproveitar o que sobrou do Natal e já trabalhar as promoções.

Fonte: Administradores - 20/12/2015


Site desenvolvido pela TBrWeb (XHTML / CSS)
Visitas ao site: 55701
Leal Contábil e Consultoria  |  Fone 98. 3312 6092  Avenida Colares Moreira, Quadra 28, Lote 07
Edifício Vinicius de Moraes, sala 901 | Bairro Calhau | CEP: 65.071-322 | São Luís - Maranhão