5 motivos pelos quais seus clientes nunca voltam

Cotações e Índices

Moedas - 23/01/2019 11:54:45
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 3,805
  • 3,806
  • Paralelo
  • 3,770
  • 3,970
  • Turismo
  • 3,650
  • 3,950
  • Euro
  • 4,321
  • 4,322
  • Iene
  • 0,035
  • 0,035
  • Franco
  • 3,812
  • 3,813
  • Libra
  • 4,957
  • 4,959
  • Ouro
  • 155,000
  •  
Mensal - 06/12/2018
  • Índices
  • Set
  • Out
  • Inpc/Ibge
  • 0,21
  • 0,40
  • Ipc/Fipe
  • 0,39
  • 0,48
  • Ipc/Fgv
  • 0,34
  • 0,48
  • Igp-m/Fgv
  • 1,52
  • 0,89
  • Igp-di/Fgv
  • -
  • 0,26
  • Selic
  • 0,47
  • 0,54
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,55
  • 0,55
  • TR
  • -
  • -

Obrigações Tributárias do Dia

  • 23/Janeiro/2019 – 4ª Feira.
  • IOF | Imposto sobre Operações Financeiras.
  • IRRF | Imposto de Renda Retido na Fonte.
O que você achou do nosso novo site?
Ótimo
Bom
Regular

Seus clientes não voltam? É bem provável que o problema seja o atendimento. É muito raro que um cliente volte a um lugar onde foi mal atendido ou não se sentiu confortável. Confira alguns comportamentos que afastam clientes:

1. Mau humor
Todo mundo já foi atendido por alguém de mau humor, um dia. E não é nada agradável quandi isso acontece. Um vendedor rude ou com má vontade pode arruinar toda a relação de um cliente com um estabelecimento ou negócio. O professor Clezio Amorim, autor do livro "55 maneiras de encantar o seu cliente no atendimento" afirma que manter o sorriso e a disposição de conversar com os clientes é fundamental para fortalecer uma relação com o consumidor. "Não é deixar os problemas em casa, pois eles são indissociáveis de nós", explica Amorim, e sim não descontar frustrações pessoais no cliente. 

2. Falta de atenção com o cliente
Atendentes com preguiça de procurar itens, distraídos com celulares ou em conversas com os colegas podem fazer com o cliente se sinta ignorado ou menosprezado e espantá-los de vez. Além da falta de interesse na hora de atender e escutar dúvidas do cliente, alguns vendedores também faltam com atenção quando não conseguem fechar uma venda, um comportamento que frustra o consumidor e prejudica a imagem do negócio. 

3. Despreparo
O despreparo de um vendedor é algo que nunca passa despercebido por um cliente. Se o cliente pede ajuda e encontra um vendedor que não sabe as informações básicas sobre o produto e nem consegue ajudá-lo a decidir sobre algo, sente que aquele lugar não está pronto para recebê-lo e atender suas necessidades.

4. Descuido com a aparência
O especialista Clezio Amorim é enfático: quem fica em contato direto com o público precisar ter o cuidado de se vestir de acordo com a função desempenhada. E aqui vale um detalhe: vestir-se elegante demais para algo que não exige isso pode ser tão prejudicial quanto andar desgrenhado. 

5. Abordagem agressiva
Alguns clientes são objetivos na hora de comprar algo - sabem exatamente o que querem e estão em busca apenas disso. Outros gostam de analisar suas opções, talvez pesquisar preços. Cada um tem seu ritmo, e vendedores, atendentes e empresários precisam entender e acompanhar esse ritmo. Em casos de clientes que falam que querem "só dar uma olhadinha", por exemplo, não adianta usar uma abordagem de venda agressiva. Na verdade, já se foi o tempo daquele vendedor que fala alto, faz graça e tenta empurrar um produto a qualquer custo para o cliente.

Fonte: www.administradores.com.br


Site desenvolvido pela TBrWeb (XHTML / CSS)
Visitas ao site: 51775
Leal Contábil e Consultoria  |  Fone 98. 3312 6092  Avenida Colares Moreira, Quadra 28, Lote 07
Edifício Vinicius de Moraes, sala 901 | Bairro Calhau | CEP: 65.071-322 | São Luís - Maranhão