Restituição do IR

Cotações e Índices

Moedas - 24/05/2019 13:15:31
  • Nome
  • Compra
  • Venda
  • Comercial
  • 4,026
  • 4,028
  • Paralelo
  • 4,020
  • 4,210
  • Turismo
  • 3,870
  • 4,190
  • Euro
  • 4,509
  • 4,511
  • Iene
  • 0,037
  • 0,037
  • Franco
  • 4,020
  • 4,020
  • Libra
  • 5,114
  • 5,117
  • Ouro
  • 166,100
  •  
Mensal - 06/05/2019
  • Índices
  • Fev
  • Mar
  • Inpc/Ibge
  • 0,54
  • 0,77
  • Ipc/Fipe
  • 0,54
  • 0,51
  • Ipc/Fgv
  • 0,35
  • 0,65
  • Igp-m/Fgv
  • 0,88
  • 1,26
  • Igp-di/Fgv
  • 1,25
  • 1,07
  • Selic
  • 0,49
  • 0,47
  • Poupança
  • 0,50
  • 0,50
  • TJLP
  • 0,59
  • 0,59
  • TR
  • -
  • -

Obrigações Tributárias do Dia

  • 31/Maio/2019
  • IOF | Imposto sobre Operações Financeiras
  • COFINS/PIS-PASEP | Retenção na Fonte – Autopeças
  • IRPJ/CSL | Imposto de Renda Pessoa Jurídica e da Contribuição Social sobre o Lucro | Apuração mensal
  • IRPJ/CSL | Imposto de Renda Pessoa Jurídica e da Contribuição Social sobre o Lucro | Apuração trimestral
  • IRPJ | Imposto de Renda Pessoa Jurídica | Renda variável
  • IRPJ/Simples Nacional | Ganho de Capital na alienação de Ativos
  • IRPF | Imposto de Renda Pessoa Física
  • FINOR/FINAM/FUNRES | Apuração mensal
  • FINOR/FINAM/FUNRES | Apuração trimestral
  • REFIS/PAES | Programa de Recuperação Fiscal
  • REFIS | Programa de Recuperação Fiscal
  • PAEX 1 | Parcelamento Excepcional
  • PAEX 2 | Parcelamento Excepcional
  • Simples Nacional | Parcelamento Especial
  • INSS | Previdência Social | Simples Nacional | Parcelamento Especial
  • Previdência Social (INSS) | Programa de Modernização da Gestão e de Responsabilidade Fiscal do Futebol Brasileiro | Profut || Parcelamento de débitos junto à RFB e à PGFN
  • Previdência Social (INSS) | Programa de Recuperação Previdenciária dos Empregadores Domésticos - Redom (Parcelamento de débitos em nome do empregado e do empregador domésticos junto à PGFN e à RFB)
  • DOI | Declaração de Operações Imobiliárias
  • DME | Declaração de Operações Liquidadas com Moeda em Espécie
  • IRPF - Imposto de Renda sobre a Pessoa Física
  • Contribuição Sindical (empregados)
  • Escrituração Contábil Digital (ECD)
  • Salário-família | Comprovante de frequência à escola
  • Declaração Anual do Simples Nacional (DASN-Simei/2018)
O que você achou do nosso novo site?
Ótimo
Bom
Regular

A Receita Federal libera nesta quarta-feira, a partir das 9h, a consulta ao terceiro lote de restituições do Imposto de Renda da Pessoa Física (IRPF) de 2018 (ano-calendário 2017). Segundo a Receita, este lote vai incluir 2.852.737 contribuintes, totalizando R$ 3,6 bilhões em devoluções (incluindo lotes residuais de anos anteriores). Considerando somente as restituições específicas de 2018, serão contempladas 2.806.075 pessoas, no total de R$ 3,46 bilhões.

Para saber se teve a declaração liberada, o contribuinte deverá acessar a página da Receita Federal na internet ou ligar para o Receitafone 146. É preciso informar o CPF e a data de nascimento.

Uma vez com o dinheiro em mãos, os especialistas são categóricos: é fundamental usar a quantia para pagar as dívidas, dando prioridades para aquelas que são consideradas mais caras. Só depois é possível decidir se aproveita o dinheiro extra para fazer um investimento ou comprar algum item de consumo. Para os investimentos, dizem os especialistas, o primeiro passo é criar um fundo de emergência. Neste caso, o dinheiro precisa ser destinado a aplicações seguras e que possam ser resgatadas rapidamente. Quer conferir um guia completo sobre como utilizar da melhor forma o dinheiro da restituição? Saiba as recomedações de planejadores financeiros ouvidos pelo GLOBO aqui.
AINDA NÃO RECEBEU A RESTITUIÇÃO? Saiba as linhas de crédito para antecipar a devolução do Imposto de Renda

Neste lote, ainda restarão algumas pessoas com prioridade de recebimento: 5.493 idosos acima de 80 anos, 43.345 cidadãos entre 60 e 79 anos, 7.913 pessoas com alguma deficiência física ou mental ou moléstia grave, e 77.492 profissionais cuja maior fonte de renda é o Magistério.

Depósito do dinheiro

O dinheiro estará disponível para retirada nos bancos no próximo dia 15. A quantia será depositada na conta indicada pelo contribuinte na declaração de ajuste anual.

E AINDA: Comece hoje a planejar a declaração de 2019

LEIA MAIS: Saiba por que o Leão se tornou o símbolo da Receita

Se a pessoa tiver sido incluído neste lote, mas o dinheiro não estiver creditado no dia 15 na conta indicada por ela, será preciso procurar uma agência do Banco do Brasil ou ligar para a central de atendimento da instituição por meio dos telefones 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos).

Neste caso, o interessado poderá agendar o crédito em conta-corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer outro banco.

Correção dos valores

A restituição do IRPF 2018 referente ao terceiro lote virá corrigida em 2,58%, de acordo com a variação da taxa básica de juros, a Selic, de maio a agosto deste ano.

TESTE: Descubra se você administra corretamente suas finanças

Nesta leva, também estarão incluídas devoluções residuais dos exercícios de 2008 a 2017. Essas restituições serão pagas com correções que vão variar de 10,41% a 104,70%, dependendo do ano.

Confira o calendário de pagamento bancário das próximas restituições:

3º lote - 15/08/2018

4º lote - 17/09/2018

5º lote - 15/10/2018

6º lote - 16/11/2018

7º lote - 17/12/2018

A consulta é sempre liberada uma semana antes.

Fonte: Fenacon.org.br | 08/08/2018


Site desenvolvido pela TBrWeb (XHTML / CSS)
Visitas ao site: 55620
Leal Contábil e Consultoria  |  Fone 98. 3312 6092  Avenida Colares Moreira, Quadra 28, Lote 07
Edifício Vinicius de Moraes, sala 901 | Bairro Calhau | CEP: 65.071-322 | São Luís - Maranhão